A transformação digital é um tema muito em alta nos dias de hoje. Muitos especialistas discutem os avanços que a tecnologia vem alcançando e seus impactos na sociedade, tanto com visões otimistas como visões pessimistas. De qualquer lado que você esteja, é importante entender que não há mais volta para essas mudanças. É necessário se adaptar e tirar o melhor proveito que a tecnologia tem a nos oferecer.

A inteligência artificial na transformação digital
Vivemos a era da transformação digital. Dia após dia temos novas tecnologias sendo aplicadas a favor da humanidade: na medicina, na mobilidade e na economia criativa. Temos forte indícios de que a próxima revolução industrial que o mundo irá vivenciar será por conta da inteligência artificial e com a invenção de robôs cada vez mais capazes de desenvolver atividades humanas.

Novos postos de trabalho
Isso faz com que muitas pessoas tenham medo de perder seus empregos. Entretanto, é de nossa responsabilidade saber conduzir o envolvimento da tecnologia com humanos. Sabemos que a tecnologia irá criar novos postos de trabalho, alguns que ainda nem temos ideia de que serão criados e que farão muito sentido no futuro.

Avaliando o lado positivo, com a inteligência artificial somado a robôs trabalhando em determinadas atividades, fará com que tenhamos mais tempo, que resultará em produtividade. Assim, as pessoas poderão desenvolver novas habilidades relativas a relacionamentos e a emoções, que levarão a evolução do mundo nas próximas décadas.

Humanos e a tecnologia, lado a lado
É importante frisar que se nós criamos algo, precisaremos acompanhar e entender essa invenção. Por isso que, toda tecnologia nova, criado pelo homem, terá o controle humano, caminhando lado a lado desta invenção.

Atualmente, é muito difícil precisar ao certo quantas vagas de trabalho irão se perder devido o avanço da tecnologia. Mas, podemos prever que robôs irão ocupar postos de trabalho mais arriscados e que sejam repetitivos. Ninguém pode afirmar ainda para onde a tecnologia vai nos levar nas próximas décadas e onde os robôs serão alocados. O precisamos, hoje, é estar preparado para isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *